ATIVIDADES DE NUTRICIONISTAS GANHAM RELEVÂNCIA NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

ce66ea5dfe012c0cc515d63417bce2e7

Profissionais que contribuem para a promoção da saúde e bem estar das pessoas, propondo uma alimentação saudável e equilibrada, os nutricionistas têm um importante papel na sociedade e receberam homenagem nesta quarta-feira (18) na Assembleia Legislativa, pela passagem do seu dia, comemorado em 31 de agosto. Foi a primeira vez que esses profissionais foram homenageados, numa iniciativa do presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira. Entre os homenageados estavam profissionais que contribuíram para que a profissão no Rio Grande do Norte ganhasse ainda mais reconhecimento no decorrer dos anos.

 “A homenagem aos nutricionistas é o reconhecimento à dedicação dos profissionais que lançam mão de ferramentas diversas na condução de suas atividades do dia a dia, planejando programas de alimentação para as pessoas, além de ajudar a melhorar a qualidade de vida e saúde dos seus pacientes”, afirmou Ezequiel Ferreira.

O deputado frisou que a profissão está entre um dos principais segmentos representativos da sociedade brasileira. Destacou também as principais funções do nutricionista: “Atuam desde área hospitalar, clínica e da saúde pública, onde avalia fatores da cultura de uma região, suas interferências político-sociais, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida e a saúde de uma população através da boa alimentação”.

Na sessão solene, professores da área e membros do conselho da classe também receberam a honraria da Assembleia. Falando em nome dos demais homenageados, Igor Guedes de Medeiros, servidor da Casa, pós-graduado em nutrição clínica, Igor atua como nutricionista clínico do Hospital Antônio Prudente de Natal e delegado do Conselho Regional de Nutricionistas, destacou os desafios da profissão.

“Nosso intuito é mostrar para a sociedade que o nutricionista é o profissional da soberania alimentar, da promoção de políticas públicas que asseguram o Direito humano à Alimentação e Nutrição Adequada (DHANA)”, afirmou. Igor Guedes chamou a atenção dos presentes para o fato da prescrição dietética ser atribuição exclusiva do nutricionista e assegurada por lei.  Mas que o seu papel vai muito além de prescrever, organizar, planejar, supervisionar, auditar e coordenar. “O nutricionista é o promotor da saúde por excelência”, disse, citando Hipócrates: “que seu remédio seja o seu alimento e que seu alimento seja o seu remédio”.

O dia 31 de agosto foi a data de fundação da Associação Brasileira de Nutricionistas, no Rio de Janeiro, em 1949. A intenção da criação dessa associação era a de melhorar e desenvolver estudos acerca da qualidade da alimentação e de todo o campo da nutrição. Mais tarde, a ABN foi alterada para Federação Brasileira de Nutricionistas, sendo hoje a ASBRAN – Associação Brasileira de Nutrição. O curso de nutrição foi regulamentado como profissão somente no dia 24 de abril de 1967.

Homenageados:

Maria de Fátima Nunes Duarte

Maria Amélia Marques Dantas

Yasmim Brena Moreira de Lima

Igor Guedes de Medeiros

Crislâini Sayonara da Silva Leal

Leilane Heloise Carvalho de Freitas

Vitória Karoline Silva de Sousa

Fabiana de Queiroz Medeiros Telles

Caroline Lira da Nóbrega

Josefa Girlene Ferreira de Morais

Lilian Lins de Moraes Drummond

Rarynna Pricylla Silva da Fônseca

Anna Paula dos Santos Medeiros

Rossana Barbalho Melo de Carvalho

Joyce Samara Marques de Oliveira Araújo

Maria Celia Barbosa de Farias

Cláudia Elenna Galvão Veríssimo Bezerra

Elizângela Maria Costa

Patrícia Borja Florentino

Daniella Ruth Simões de Medeiros

Célia Márcia Medeiros de Morais

Alexandre da Silva Baeta Neves

Rosenaide Paulino de Oliveira

Adriana de Queiroz Xavier

Rosane Maria Diógenes de Abreu

Ajuda federal para a Saúde do RN foi “pequeno alívio”, diz Cipriano Maia

Cipriano-Maia-secretário-de-saúde-RN-1-750x462

O secretário de Saúde do RN, Cipriano Maia, qualificou nesta terça-feira, 20, de um “pequeno alívio” a liberação de R$ 84,5 milhões do governo federal para a ampliação da Atenção Primária e Hospitalar em 51 municípios do Rio Grande do Norte.

Sobre os R$ 35 milhões a serem destinados à ampliação do custeio dos serviços de média e alta complexidade administrados pelo governo estadual, o secretário explicou que o recurso não entrará de uma vez para o Estado e sim em 12 parcelas.

“Nosso teto de gasto é de R$ 200 milhões por mês e, como esse recurso novo, devemos subir para algo como R$ 203 milhões por mês de um dinheiro que não poderá ser usado para custeio, o que nos obrigará a fazer arranjos para atender melhor os hospitais do interior”, lembrou o secretário.

São estes recursos que financiam, por exemplo, internações, cirurgias, exames complementares e outros procedimentos médicos.

Na última sexta-feira, 16, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, assinou assinou a liberação de R$ 84,5 milhões do governo federal para a ampliação da Atenção Primária e Hospitalar em 51 municípios do Rio Grande do Norte.

O Hospital da PM também receberá recursos e, segundo Cipriano Maia, sua estrutura que vem recebendo investimentos nos últimos anos deve ser usada de apoio para auxiliar nas cirurgias eletivas – aquelas que, segundo ele, devem ser atendidas para evitar que se transformem em futuras urgências.

“São 110 leitos e sete Centros Cirúrgicos que serão importantes para o trabalho”, comentou.

Para a unidade deverão ser liberados R$ 7,8 milhões por ano. Já Natal receberá R$ 4,8 milhões anuais, além de um repasse de R$ 500 mil, em parcela única, para o Hospital Infantil Varela Santiago. Especializada no tratamento contra o câncer infantil, a unidade ainda deverá receber R$ 1,8 milhão por ano para o custeio adicional.

Para Mossoró, foi assinada a liberação de R$ 139,8 mil, além da destinação de R$ 840 mil para a qualificação da UPA Geraldo de Souza, em São José de Mipibu. E Touros deverá ser beneficiado com R$ 480 mil anuais para a implantação e custeio de mais uma Equipe Multiprofissional de Atenção Domiciliar e de Apoio.

Ainda segundo o secretário Cipriano Maia, a intenção do governo estadual é ofertar, na medida do possível, mais serviços no interior, seguindo a política do SUS de fortalecer a rede regional, evitando sobrecarga de pacientes em Natal e Mossoró.

Entrevistado desta terça-feira do programa “Agora News”, da 97,9 FM, o secretário lembrou os R$ 123 milhões de restos a pagar de sua pasta, herdados da gestão anterior, e das quedas sucessivas de transferências do SUS. Isso, segundo ele, fez com que a pasta tivesse quase R$ 200 milhões em contratos sem recursos para cobrir.

Ele anunciou que a Secretaria planeja para setembro lançar o programa RN + Saudável dentro da linha de prevenção. “Diabetes, hipertensão, são problemas comuns decorrentes do excesso de sal e açúcar e devem contar com uma atenção”, destacou.

Saúde recomenda dose extra contra o sarampo em bebês menores de 1 ano

vacina-sarampo-1024x683

O Ministério da Saúde passou a recomendar a vacinação contra o sarampo em crianças com idade entre 6 meses e 11 meses e 29 dias para combater a disseminação do vírus no país. Nessa faixa etária, segundo a pasta, será ofertada uma dose complementar, chamada de dose zero, como já acontece em campanhas como a de combate à poliomielite. A orientação foi apresentada hoje (20) em entrevista coletiva na sede do órgão, em Brasília.

Entre 19 de maio e 10 de agosto deste ano, foram confirmados 1.680 casos de sarampo no Brasil, além de 7,5 mil casos em investigação. No período, de acordo com o ministério, não houve mortes confirmadas decorrentes da enfermidade.

Após um surto envolvendo estados da Região Norte no início do ano, um novo surto foi registrado no estado de São Paulo, que concentra, atualmente, 1.662 casos em 74 municípios – 98,5% do total de casos. Em seguida aparecem Rio de Janeiro, com seis casos, e Pernambuco, com quatro. Com um caso estão Goiás, Paraná, Maranhão, Rio Grande do Norte, Espírito Santo, Bahia, Sergipe e Piauí.

A recomendação da vacinação adicional de crianças com idade entre 6 meses e 11 meses e 29 dias se deve ao fato deste ser o público com maior potencial de contágio. O coeficiente de incidência em bebês de até 1 ano é de 38,28 casos para cada grupo de 100 mil, enquanto a média de todas as faixas etárias ficou em 4,12. Normalmente, a imunização acontece por meio de duas doses, aos 12 meses e aos 15 meses de vida.

“Temos observado uma incidência elevada em menores de 1 ano. É fundamental estabelecermos estratégia diferenciada para essa faixa etária, olhar para as crianças menores de 1 ano com especial atenção”, declarou o secretário de vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira.

Varela retoma cirurgias após Governo garantir repasses e novo convênio

Hospital-Varela-Santiágo-12-750x500

O Governo do Estado vai fazer o repasse da quarta parcela do convênio com o Hospital Infantil Varela Santiago referente ao ano de 2018 até o próximo dia 15. A decisão foi tomada nesta segunda-feira, 1º, em reunião da governadora Fátima Bezerra com a direção do Hospital.

“Reconhecemos a importante atuação do Hospital Varela Santiago na atenção à saúde infantil no RN. Apesar das dificuldades e dos atrasos herdados da gestão anterior, o Governo do Estado vai fazer o repasse da quarta parcela do convênio referente a 2018”, afirmou a chefe do Executivo estadual.

A parcela não quitada de 2018 é no valor de R$ 575 mil. Outra medida adotada nesta segunda-feira foi a liberação de R$ 159 mil para o pagamento de quimioterapia. Também ficou acordado que o Governo do Estado vai definir as condições para o convênio referente a 2019 no valor de até R$ 1,15 milhão.

O novo convênio será discutido também com a prefeitura de Natal. Ainda ficou definido que a administração estadual dará continuidade ao processo de habilitação de novos serviços a serem prestados pelo Varela Santiago como o de cirurgias lábio palatinas, o que vai evitar o deslocamento dos pacientes e familiares a outros estados e reduzir o custo das cirurgias.

O diretor do Hospital Varela Santiago, médico Paulo Xavier, disse que os principais problemas enfrentados pela instituição foram equacionados e as 80 cirurgias que haviam sido adiadas serão remarcadas.

“Vamos imediatamente remarcar as cirurgias. Hoje atendemos crianças de todo o estado. Fazemos 90% do atendimento infantil e utilizando toda a nossa capacidade que é de 110 leitos. A reunião foi muito positiva, os serviços ficam mantidos e as cirurgias serão remarcadas”, afirmou Paulo Xavier.

Na reunião, a governadora Fátima Bezerra esteve acompanhada pelo vice-governador Antenor Roberto, pelos secretários de estado da Saúde, Cipriano Vasconcelos, do Gabinete Civil, Raimundo Alves, secretário adjunto da Saúde, Petrônio Spinelli, e a assessora especial do governo, Laíssa Costa. A Assembleia Legislativa foi representada pelos deputados Francisco Medeiros, Isolda Dantas, Eudiane Macedo, Nélter Queiroz, George Soares e Ubaldo Fernandes.

Governo garante repasses de 2018, novo convênio e Varela retoma cirurgias

IMG000000000205388

O Governo do Estado vai fazer o repasse da quarta parcela do convênio com o Hospital Infantil Varela Santiago referente ao ano de 2018 até o próximo dia 15. A decisão foi tomada nesta segunda-feira, 01, em reunião da governadora Fátima Bezerra com a direção do Hospital. “Reconhecemos a importante atuação do Hospital Varela Santiago na atenção à saúde infantil no RN. Apesar das dificuldades e dos atrasos herdados da gestão anterior, o Governo do Estado vai fazer o repasse da quarta parcela do convênio referente a 2018”, afirmou a chefe do Executivo estadual.

A parcela não quitada de 2018 é no valor de R$ 575 mil. Outra medida adotada nesta segunda-feira foi a liberação de R$ 159 mil para o pagamento de quimioterapia. Também ficou acordado que o Governo do Estado vai definir as condições para o convênio referente a 2019 no valor de até R$ 1,15 milhão. O novo convênio será discutido também com a prefeitura de Natal. Ainda ficou definido que a administração estadual dará continuidade ao processo de habilitação de novos serviços a serem prestados pelo Varela Santiago como o de cirurgias lábio palatinas, o que vai evitar o deslocamento dos pacientes e familiares a outros estados e reduzir o custo das cirurgias.

O diretor do Hospital Varela Santiago, médico Paulo Xavier, disse que os principais problemas enfrentados pela instituição foram equacionados e as 80 cirurgias que haviam sido adiadas serão remarcadas. “Vamos imediatamente remarcar as cirurgias. Hoje atendemos crianças de todo o estado. Fazemos 90% do atendimento infantil e utilizando toda a nossa capacidade que é de 110 leitos. A reunião foi muito positiva, os serviços ficam mantidos e as cirurgias serão remarcadas”, afirmou Paulo Xavier.

Na reunião, a governadora Fátima Bezerra esteve acompanhada pelo vice-governador Antenor Roberto, pelos secretários de estado da Saúde, Cipriano Vasconcelos, do Gabinete Civil, Raimundo Alves, secretário adjunto da Saúde, Petrônio Spinelli, e a assessora especial do governo, Laíssa Costa. A Assembleia Legislativa foi representada pelos deputados Francisco Medeiros, Isolda Dantas, Eudiane Macedo, Nélter Queiroz, George Soares e Ubaldo Fernandes.

STF desbloqueia R$ 31 milhões e Governo do Estado já pode usar

download (13)

O Ministro Edson Fachin deu uma bela vitoria ao Governo do Estado no STF.

O Ministro desbloqueou R$ 31 milhões de repasses da União que estavam retidos desde 30 de abril para ser utilizados na área de saúde.

O Secretário de Planejamento, Aldemir Freire informou que esse dinheiro vai ser usado para complementar o duodécimos aos poderes e também para a folha de pagamento.

Caraúbas ganha sede própria da Central do Cidadão e recebe cheques do Microcrédito

IMG000000000202024
O Governo do Estado entregou nesta terça-feira, 21, a sede própria da Central do Cidadão de Caraúbas, segunda a ser inaugurada este ano. A obra do prédio foi realizada pelo Governo do RN, através da Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Ação Social (Sethas), com recursos do Banco Mundial, via Governo Cidadão. O investimento total foi de R$ 3,3 milhões, sendo R$ 2,6 milhões investidos em obras e R$ 722 mil em equipamentos. 
 
Na ocasião, a Governadora destacou a importância da Central do Cidadão que atenderá toda a população de Caraúbas e região. Mas não deixou de ressaltar que é preciso fortalecer a união de todos para defender as conquistas alcançadas, citou como exemplo os cortes na educação federal que colocam em risco a manutenção das Universidades e Institutos Federais. “Quando eu vejo a UFERSA e a UERN que nasceram e chegaram a cidades como Caraúbas, Pau dos Ferros, Angicos e Apodi, e os 18 Institutos Federais que foram conquistados para o povo do Rio Grande do Norte, ameaçados com o bloqueio de 30% no orçamento dessas instituições. Se este corte não for revisto, essas instituições podem paralisar as atividades ainda este ano”, enfatizou Fátima. 
 
A expectativa é realizar cerca de 10 mil atendimentos mensais, já que a Central beneficia dez municípios do Médio Oeste (Caraúbas, Upanema, Campo Grande, Janduís, Olho D’água dos Borges, Patu, Governador Dix-Sept Rosado, Rafael Godeiro e Almino Afonso). A atuação do novo equipamento evita que a população tenha que se deslocar por longas distâncias em busca de serviços importantes como emissão de Carteira de Trabalho, de identidade e de CPF.
 
ITEP, Detran-RN, Instituto de Previdência dos Servidores Estaduais (IPERN), Procon-RN, Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Caern, Banco Cidadão e Secretaria Estadual de Tributação são alguns dos órgãos presentes no local que funciona com 23 servidores, sendo 10 cedidos deles pela Prefeitura de Caraúbas. A Delegacia da Polícia Civil também foi agregada à Central, pois funcionava em situação precária em um prédio inadequado, o que representa um avanço à segurança pública da região.
 
A deputada estadual Isolda Dantas, destacou o comprometimento do Governo da professora Fátima no combate à violência contra a mulher, ressaltando que na Central do Cidadão de Caraúbas, funcionará uma sala de atendimento às mulheres vítimas de violência. “Quando as mulheres aqui chegarem fragilizadas, se sentirão seguras, pois encontrarão o acolhimento do Estado”, concluiu Isolda.
 
“A governadora Fátima trouxe a chuva e esse belo presente que é a central do cidadão para a cidade de Caraúbas que não atenderá apenas a o nosso município, mas todos aqueles que moram na região serão beneficiados com os muitos serviços que central passará a oferecer. Incluindo a primeira delegacia a ser implantada em uma central do cidadão no interior do Rio Grande do Norte, que será aqui em Caraúbas”, agradeceu Júnior Alves, prefeito do município de Caraúbas.
 
O Governo do RN está construindo outras 17 sedes próprias para funcionamento das centrais: Apodi, São Paulo do Potengi, Alexandria, Ceará-Mirim, Macau, Pau dos Ferros, Nova Cruz, Currais Novos, São José de Mipibu, Alexandria, João Câmara, Santa Cruz, Macaíba, Natal (Zona Norte e Zona Sul), São Miguel e Caicó. Mais cinco unidades que funcionam em prédios próprios estão sendo reformadas: Parelhas, Assu, Parnamirim, Mossoró (Rodoviária) e Zona Oeste (Rodoviária).
 
A estimativa é de uma economia de cerca de R$ 1 milhão por ano com dispensa de aluguéis. No total, o Governo do RN está investindo R$ 61,8 milhões, com recursos do Governo Cidadão, por meio do acordo de empréstimo com o Banco Mundial, no programa Central do Cidadão. 

Sesap solicita junto ao MS credenciamento de hospital potiguar para realização de transplante cardíaco

download (12)

Com o propósito de promover o acesso integral e humanizado em todos os níveis de atenção, conforme os princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS), a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) solicitou junto ao Sistema Nacional de Transplante o credenciamento e habilitação do Hospital Rio Grande para realização de transplante cardíaco.

A documentação foi encaminhada ao Ministério da Saúde na última terça-feira (21) após a aprovação do credenciamento por parte da Secretaria Municipal de Saúde de Natal, Central Estadual de Transplante e Comissão Intergestores Bipartite do RN.

A Sesap aguarda agora que a Central Nacional de Transplante analise o processo e faça o agendamento de visita técnica na unidade hospitalar para que, por fim, seja publicada a portaria de habilitação ao Hospital Rio Grande para procedimentos de transplante cardíaco.

Sesap repassa recursos da Assistência Farmacêutica para os 167 municípios do RN

ecffa98240cc8e25821f0a666aaccaed

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) já repassou aos 167 municípios do Rio Grande do Norte a contrapartida estadual do Componente Básico da Assistência Farmacêutica. O valor total destinado é de R$ 1.367.724,24 referentes aos dois primeiros meses do ano de 2019 e os recursos são integralmente do Orçamento Geral do Estado (OGE).

“Trata-se, portanto, de um compromisso de Governo e de campanha da Governadora Fátima Bezerra com o SUS, reestabelecendo o repasse de recursos entre as três esferas – União, Estados e municípios – devolvendo assim o pacto com a parte federativa e as parcerias com os municípios”, afirmou o secretário estadual de saúde, Cipriano Maia.

A utilização dos recursos por parte dos municípios é regulamentada por meio das portarias nº 1.555 de 30 de julho de 2013 e portaria 2.001 de 03 de agosto de 2017 do Ministério da Saúde. O valor repassado para cada município é calculado com base na população estimada, seguindo os critérios do Censo da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A ação é de suma importância para a manutenção dos serviços de saúde nos municípios, já que garante a aquisição de medicamentos e insumos, incluindo-se aqueles relacionados a agravos e programas de saúde, como os usuários insulinodependentes, no âmbito da Atenção Básica à Saúde.

Facebook0